Pular para o conteúdo principal

Postagens

Mostrando postagens de 2012

Torta de cereja e Feliz Ano Novo

Está difícil encontrar a receita e queria postar antes do Ano Novo porque acho uma linda sobremesa de festas e somente nessa época encontramos cerejas frescas por aqui.
Na falta da referência, vou escrever a receita mais comum de uma torta de fruta, e isso não muda muito.

Torta de cereja como eu lembro 1 receita de massa de torta (repetida abaixo)300g de cerejas, ou o suficiente para cobrir o fundo da forma de torta 3/4 caixa de creme de leite1 colher (sopa) de farinha de trigo3 colheres (sopa) de açúcar1 pitada de noz moscada1 colher (café) de essência de baunilha (opcional)Abrir a massa da torta na forma, colocar dentro do congelador por 15 minutos.
Retirar os caroços das cerejas com um descaroçador apropriado, o de azeitonas também serve.  Ou use faca, vai dar mais trabalho.
Arrumar as cerejas no fundo da forma, por cima da massa.
Em uma saladeira, bater o creme de leite misturado com a farinha, açúcar, pitada de noz moscada, essência de baunilha (opcional).  Despejar esse creme por c…

Tomate recheado com cebola

Mais um jeito de comer tomates que não crus.  Tenho uma certa queda por pratos feitos no forno - apesar do calorão esquentando as pernas, não deixam a cozinha engordurada nem os cabelos com cheiro.   Prepara um prato, forno.  Prepara outro prato, forno.  Na hora de servir, saem todos lá de dentro quentes e ao mesmo tempo.


Tomate recheado com cebola 2 tomates grandes1 cebola grande 1/2 xícara de queijo parmesão ralado grosso1/3 xícara de farinha de rosca1 fio de azeitesal e pimenta do reino Cortar a cebola em pedaços grandes e fritar em frigideira com um fio de azeite. Deixar ficar somente transparente, sem pegar cor.
Cortar os tomates pela metade, e esvaziar o conteúdo de sementes, deixando a carne do tomate.  Salpicar um pouco de sal e pimenta do reino dentro de cada metade de tomate e preencher o buraco com a cebola dourada no azeite.
Em um bowl separado, misturar o queijo parmesão com a farinha de rosca e colocar por cima da cebola, de forma a cobrir todos os tomates.  Levar ao forno q…

Tortas clássicas

Ganhei, em um amigo oculto, de uma pessoa muito querida, um livro chamado 500 Tortas doces & salgadas, e que só tem coisa gostosa.  Estou devendo, até hoje, uma torta para ele, mas isso não está esquecido não.

Abrindo hoje para folhear a sessão Tortas Clássicas, selecionei algumas receitas.  A massa básica do livro tem um ingrediente que não gosto: gordura vegetal.  Não pretendo usar isso em minha cozinha, então recomendo a massa básica de torta do meu post Morangos & Tortas.



Torta perfeita de maçã
2 medidas de massa básica de torta115g de açúcar mascavo claro1-2 colheres (chá) de suco de limão siciliano1 colher (chá) de canelauma pitada de saluma pitada de noz-moscada1 colher (sopa) de farinha de trigo6 maçãs verdes, sem casca e sem miolo, cortadas em fatias bem finas15g de manteiga sem salPré-aquecer o forno a 220 graus.  Misura o açúcar com o suco de limão, canela, sal, noz-moscada e farinha.  Colocar as maçãs fatiadas em uma tigela média, despejar essa mistura sobre elas e s…

Ratatouille

Ratatouillejá ficou famoso - virou nome de filme.  É uma receita de ingredientes simples, e ao mesmo tempo cheia de sabores.  A foto que coloquei no fim do post foi de um prato que comemos em Saint-Paul-de-Vence, no sul da França, em um restaurante comum, mas de comida maravilhosa.  Ele está nos cardápios de todas as cidades nessa região, PACA, em dia de mercado, com seus legumes frescos e banhados de sol, que deixam seu colorido lindo nos pratos.

Essa receita é mais uma daquelas que a gente encontra em milhares de livros, mas escolhi uma do Joël Robuchon, bastante detalhada.  
Joël Robuchon é um dos chefs mais conceituados da França e tem restaurantes estrelados em vários lugares do mundo (Paris, Tokyo, Monaco, Las Vegas, New York, Hong Kong...).   Esse Chef trabalha muito!  Ele diz que a receita é para 8 pessoas, então diminua as quantidades se não estiver com a casa cheia.
"A receita vem do sul da França e é uma especialidade antiga de Nice, onde era comida como entrada, ou pra…

Pavê de pessego com torta di mandorle

O pavê da foto fiz para o dia de Natal, e são duas receitas independentes: a de pavê e a base, feita de uma massa de bolo de amêndoas.  Chamado de Ligurian Almond Cake e Torta di Mandorle no livro, ele diz que
"Na região italiana da Liguria, onde a capital é Gênova, as árvores de amêndoa crescem abundantemente, assim como crescem na Sicília, que é a maior região produtora de amêndoa da Itália.  A cozinha das duas regiões é semelhante devido a estarem separadas somente pelo mar Tirreno, e sempre houve um contato grande entre essas regiões.  Ligeiramente parecido com o Gâteau Breton, este bolo denso é perfeito com uma taça de vinho doce ou com uma xícara de chá.  Como sobremesa, deve ser guarnecido de frutas."
Torta di Mandorle
(livro Bake!)
2 1/2 xícaras de amêndoas descascadas *
1 1/2 xícara de açúcar
2 1/4 xícaras de farinha de trigo
1 colher (chá) de fermento Royal
1/4 colher (chá) de canela em pó
340g de manteiga em temperatura ambiente
1 colher (sopa) de raspa de casca de limão s…

Cordeiro no mel

Agneau é cordeiro, carneiro.  É muito consumido na França e o gosto é maravilhoso.  Um tipo de carne para brincar com os temperos.  Essa receita é com mel, e não tem gosto exótico.   O cordeiro é cortado em cubos e é receita de carne com molho, cozida.
Comi um cordeiro divino com estragão em uma vinícola perto de Graves, Bordeaux.  Vou achar essa receita em algum livro.


Agneau au Miel (livro Les 400 recettes d'hiver)
1kg de épaule de cordeiro (pedaço da perna da frente, o açougue sabe) desossada150g de mel200g de cebola 200g de mini cebolas3 cm de gengibre fresco1 bastão de canela1 dose de açafrãosal, pimenta do reinoDescascar as cebolas deixando-as inteiras.  Descascar o gengibre e picar.  Cortar a carne em cubos, colocar em uma panela com a canela, açafrão, gengibre, sal, pimenta e cebolas.  Colocar por cima o mel, cobrir com água.  
Tampar a panela e cozinhar em fogo muito baixo durante 2h 30min.  Servir bem quente acompanhada de arroz basmati.
O mel que é colocado na receita faz c…

Stollen de Natal

Stollen é um pão-bolo de Natal, da tradição alemã, feito com frutas confitadas e pasta de amêndoas - marzipan.

Eu nunca pensei que faria isso, mas hoje acordei cedo e resolvi literalmente colocar a mão na massa.  Tive que adaptar algumas coisas da receita que encontrei em função dos ingredientes, e do que eu desconfiava que poderia dar errado.  E teve coisa que deu errada: a maneira que mandavam colocar o fermento já me parecia estranha, e tive que consertar, para não perder a massa.  Então a receita que vou postar é a minha adaptação da encontrada na internet.


Stollen de Natal
150ml de leite1 colher (chá)  de fermento para pão em pó1 ovo ligeiramente batido como para omelete380g de farinha de trigo1/2 colher de café de sal100g de manteiga (se usar manteiga salgada, diminua o sal)80g de açúcar1 colher (chá) de essência de baunilha100g de passas secas50g de amêndoas inteiras, descascadas30g de nozes picadas grosseiramente15 damascos secos, cortados em quatro50g de cascas de laranja confi…

Peito de pato

Magret de Canard eu só fiz uma vez em casa.  Ficou ótimo!  Problema é a fumaça da gordura de pato, que fica esvoaçando pela casa mesmo depois dele ter sido consumido.  Tenho amigo que adora essa gordura e essa carne - pessoa de paladar super apurado, e um bom gosto de dar orgulho.  Admiro, gosto e caráter.  Quanto a mim, não gosto muito do cheiro, mas amo o sabor da carne!  Juntando coragem para repetir.

Esse magret, eu comi em restaurante perto de casa, e estava tão divino que resolvi fotografar.  Servido com cogumelos e purê de baroa, tinha seu molho ligeiramente adocicado, como manda uma receita de peito de pato.

Peito de pato

(adaptado do livro Nouvelle Bible de la cuisine)
2 magrets de pato de 400g cada1 dente de alho2 colheres (sopa) de molho shoyo1/2 colher (café) de mistura 5 épices2 colheres (chá) de mel líquido2 colheres (sopa) de vinho xerez seco1 colher (sopa) de óleoDescascar e amassar o dente de alho.  Misturar em um bowl com o molho soja, o xerez, o óleo, o mel e a mistura…

Pain d'épices

Pain d'épices é um bolo mais sequinho com gosto acentuado de cravo, canela e gengibre.  É uma das melhores coisas que já experimentei - comi muito em Dijon, especialidade daquela cidade - e tinha que tentar fazer.   Em outros países, é chamado de Gingerbread, e se a receita não for igual, difere muito pouco. 

Pain d'épices (há tempos anotada em meu caderno) 250g de mel250g de farinha de trigo70g de açúcar mascavo1 colher (sobremesa rasa) fermento Royal1 colher (café) de anis 1 colher (café) de noz-moscada ralada1 colher (chá) de canela em pó1 colher (café) de gengibre em pó1/2 colher (café) de cravo em pó2 ovos100ml de leite mornoEm uma leiteira, colocar para esquentar o mel com açúcar mascavo, desligar o fogo antes de ferver.
Em um bowl, misturar farinha, fermento, anis, noz moscada, canela, gengibre e cravo moídos.  Misturar com uma colher de pau e jogar por cima o mel quente.  Quando estiver tudo incorporado, colocar os ovos, um de cada vez, misturando com a colher e, por fim, …

Peru assado

A receita é de frango assado, e o nome original é frango assado para preguiçoso (na cozinha).  Não me culpem, está assim no livro.  Troquei para peru assado, precisava para Ano Novo.  Resolvi testar fazendo essa receita, deu certo.
Peru assado (bastante adaptado do livro Around my French Table) azeite de oliva1 fatia de pão de forma1 peru de 2,5kg em temperatura ambiente (descongelar 1 dia antes)sal e pimenta do reino 2 galhos de alecrim, tomilho e oregano1 cabeça de alho, cortada ao meio, sem descascar (não é um dente, é o conjunto)2/3 xícara de vinho branco seco4 batatas pequenas, escovadas e cortadas em quartos2 cenouras descascadas, cortadas em bastões pequenos1 cebola descascada e cortada em quartosPré-aquecer o forno a 230 graus, forte.
Untar um tabuleiro de metal (alumínio, ferro, aço) com azeite e colocar a fatia de pão no centro.
Temperar o frango por dentro com sal e pimenta do reino e colocar 1 galho de cada erva dentro dele, assim como a metade da cabeça de alho com casca.  …

Charlotte de chocolate, nozes e damasco

Essa foi minha primeira charlotte.  De tão bonita que ficou, me animei a fazer charlotte ao invés da mousse pura.   Fiz no aniversário do cliente principal e queria surpreender, deu certo.  Mas para ficar assim, bonitinha, tem um montão de técnicas aprendidas em outros livros, e que colocarei no final da receita.

Guardei essa receita para postar no Natal porque combina bem com mesa de festa.


Charlotte de chocolate, nozes e damasco
(inventada por mim)
1 caixa de biscoito champagne1 xícara de leite frio2 cálices de licor de chocolate, ou Amaretto ou Nocello50g de chocolate amargo de cobertura, para derreter1/2 colher (sopa) de manteiga 30g de nozes, trituradas grosseiramente5 damascos secosalgumas nozes e um damasco seco para enfeitar1 receita de mousse de chocolatePreparar a mousse conforme a receita do link acima. 

Cortar os damascos em pedaços pequenos (4 a 6 cada damasco) e colocar os pedaços de molho em uma xícara com o licor, misturado com uma colher de sopa de água, e aquecer por 30…

Masitas Streusel da Mariana

Mariana é uma amiga da faculdade, nascida em outro país e cheia de estórias para contar.  É desenhista, pintora, e ceramista.  Morou aqui, foi morar em outro país, voltou para seu país natal.  Pessoa de criatividade enorme, não imagino o que esteja fazendo agora.  Tenho saudades dela.
Sua avó escreveu um livro de receitas.  Um dia, no apartamento dela, estávamos pintando tecido (para estofar 2 sofás que ela havia comprado) usando galhos e folhas como pincel - eram 14 metros corridos, esticados desde a varanda, passando por cima dos sofás, mesa e tudo que fosse horizontal, para permitir uma pintura uniforme.  E ela parou tudo no meio, lavou as mãos e fomos para a cozinha fazer essa receita, chamada Masitas Streusel.  No escorredor de talheres, secavam garfos, colheres e... pincéis; coisa de artista.   Uma pessoa realmente admirável e inesquecível!



Masitas Streusel da Mariana Cobertura 2 colheres (sopa) de manteiga derretida1/2 xícara de açúcar mascavo1 colher (chá) de canela em pó2 colhe…

Panna cotta de Pessego

Panna cotta é uma sobremesa italiana da região do Piemonte, noroeste do país, e significa "nata cozida".    
A original original é uma mistura de creme de leite, leite e gelatina, basicamente.
É possivel fazer uma infinidade de variações da receita original, e a que está aqui é uma delas, inventada para um dia quente de verão.


Panna cotta de pessego 250ml de creme de leite250ml de leite integral50g de açúcar2/3 pacote de gelatina em pó sem sabor para dissolver ou 4 folhas1 lata de pessego em calda Bater, no liquidificador, o leite com 4 bandas de pessegos em calda, sem a calda.  Vai ficar um creme amarelinho.  Colocar na panela funda ou leiteira para cozinhar junto do creme de leite, por 5 minutos.  Desligar o fogo.
Preparar a gelatina conforme explicado no pacotinho, na quantidade acima, ajustando a água (se for de pó, ao invés de usar 5 colh. de sopa de água, usar somente 3).
Colocar para gelar nos potinhos.
Cortar o restante dos pessegos em pedacinhos pequenos e colocar para s…

Gratinado de abobrinha com amêndoa

Gratinado de abobrinha é mais uma daquelas formas de comer legume de uma transformados em algo mais apetitoso que somente cozidos.  Fica com cara de soufflé, gratinado na superfície por causa do queijo. 
Gratinado de abobrinha com amêndoa (livro Petit Larousse Légumes) 4 abobrinhas3 colheres (sopa) de azeite de oliva150ml de creme de leite2 ovos + 1 gema1 pitada de noz-moscada ralada100g de queijo parmesão ralado50g de farinha de amêndoa *10g de manteiga30g de amêndoa em fatiassal e pimenta do reinoLavar e cortar as abobrinhas em rodelas de meio centímetro.  Esquentar o azeite na frigideira antiaderente e dourar as rodelas por 2 minutos de cada lado.  Colocar sal e pimenta e deixar esfriando sobre papel absorvente.
Bater o creme de leite com os ovos.  Salpicar com noz moscada, sal e pimenta, 1/3 do queijo parmesão e amêndoa em pó.
Untar um refratário.  Fazer uma camada de rodelas de abobrinha, cobrir com a mistura de ovos e creme, uma segunda camada de abobrinha, cobrir com o resto do cre…

Tartiflette

A tartiflette é uma batata feita no forno com um queijo dos Alpes franceses chamado reblochon.  Ele tem casca dura e interior mole, e derrete bem quando colocado sob calor.


Tartiflette Savoyarde (folheto recebido em feira de produtos regionais) 500g de batatas2 cebolas médias2 colheres (sopa) de óleo250g de toucinho ou bacon1 queijo reblochonEm uma frigideira, dourar as cebolas fatiadas junto dos cubos de toucinho por 10 minutos.
Lavar e descascar as batatas, fatiar em rodelas finas.Colocar em panela com água e cozinhar por 20 minutos. Escorrer.
Pré-aquecer o forno a 220 graus.
Cortar o queijo reblochon ao meio no sentido horizontal e colocar sobre as batatas, casca virada para cima, aberto para baixo.
Assar por 20 minutos ou até que o queijo derreta completamente por cima das batatas.  Servir em seguida.

Achei que seria difícil encontrar o queijo, mas uma amiga trouxe da Queijaria Escola Frialp.
Um pouco de Annecy

Os Alpes franceses possuem cidades lindas, e me recomendaram conhecer a "Ve…

Salmão assado com molho de pimentão

Salmão é um peixo muito apreciado por aqui.  De carne rosada e filés carnudos, geralmente é feito grelhado, mas não esse.  Essa receita manda fazer no forno, e o molho separadamente.  Gostei da praticidade.  A foto não é de peixe, mas de uma cidade na Itália com um mercado de peixe muito bacana: Veneza!
Salmão assado com molho de manjericão e pimentão (livro Le Cordon Bleu Pratos de Verão) 2 pimentões vermelhos100ml de azeite4 filés de salmão, sem escamas mas com pele30ml de óleo de canola, girassol ou milho30g de manteiga sem sal2 colheres (sopa) de folhas de manjericão fresco, cortado em tirassal e pimenta do reino Aquecer o forno a 220 graus.  Pincelar os pimentões com um pouco de azeite, colocar arrumados em tabuleiro e levar ao forno por 15-20 minutos ou até a pele ficar preta e com bolhas, e eles macios.  Colocar em travessa e cobrir com película plástica para que suem e facilite tirar a pele.  Deixe esfriar, retirar a pele, cortar ao meio e raspar as sementes.
Para preparar o molh…

Biscoito champagne e Biscoito rosa de Reims

Pra quem quer ter trabalho... Eu acho que isso é trabalho para profissional, mas algumas pessoas com uma queda pra pâtissier querem tentar fazer tudo. Então eu passo a receita. Quem testar e quiser postar se deu certo, o blog tem um espaço pra comentários em cada postEu não tentei... ainda.


Biscuits à la cuillère - Biscoito champanhe (Livro Les Gâteaux) 3 ovos90g de açúcar60g de farinha de trigoaçúcar de confeiteiro (glace)Pré-aquecer forno a 150 graus. Separar as claras das gemas. Em um bowl, bater as gemas com 35g de açúcar. Em outro bowl, bater as claras em neve com o restante do açúcar.
Reunir os dois preparos delicadamente e juntar a farinha sem trabalhar muito a massa. Formar os biscoitos com a ajuda de uma colher sobre uma placa de confeiteiro recoberta de papel manteiga (20 biscoitos).
Antes de colocar no forno, salpicar uma camada fina de açúcar de confeiteiro. Assar por 15-20 minutos. Deixar esfriar antes de descolar os biscoitos do papel. Guardar em pote hermeticamente fec…

Risoto ao pesto de pistache

Chamada de Risotto al Pesto di Pistacchio, essa receita tem uma cor linda! Verdinho, com lascas largas de parmigiano por cima.  Já fiz risotto de pesto, não bati foto.  Quando repetir a receita, coloco aqui.

Risotto ao Pesto de Pistache (livro Voglia di Cucinare) 300g de arroz carnaroli ou arbório100g de espinafre fresco1 cebola1 dente de alho triturado200g de pistache30g de manteiga1/2 copo de vinho branco secoalgumas folhas de manjericão600ml de caldo de legumesqueijo parmesão ralado ou em lascasazeite de olivasalFerva o espinafre em água levemente salgada e esprema bem. Picar finamente a cebola e dourar com um pouco de manteiga e 2 colheres de azeite.
Juntar o espinafre picado, refogar um pouco e acrescentar o arroz.  Mexer e regar com o vinho branco, mexendo até evaporar. Juntar o caldo fervendo, misturar e deixar o arroz cozinhando.
Neste meio tempo, amassar o pistache (em um pilão) com 2 colheres de azeite, juntar o dente de alho triturado, uma pitada de noz moscada e continuar amass…

Muffin de cenoura cobertura de laranja

Foi a melhor forma que encontrei para traduzir Dolcetti arancioni, olhando para a foto dele no livro Voglia di Cucinare.  É um muffin feito de cenoura, com uma calda.  Não usei a forma de cupcake pra não ter trabalho de lavar, não sabia se ia dar certo. 

Deu muito certo e da próxima vez farei bolinhos individuais, como manda a receita.


Dolcetti arancioni, digo Muffin de Cenoura (livro acima) 150g de farinha de trigo100g de manteiga80g de açúcar300g de cenoura80g de nozes1 ovo1 colher (chá) de fermento RoyalsalTriturar as nozes.  Ralar as cenouras e cozinhar em água por meia hora, escorrer e passar no mixer para fazer um purê.  Bater a manteiga com o açúcar e uma pitada de sal.
Juntar o ovo, bater mais um pouco.  Juntar a farinha de trigo, o fermento e o purê de cenoura.  Misturar tudo bem, colocando por último as nozes.  Com uma colher, colocar a massa nas formas de cupcake untadas com manteiga e farinha e colocar no forno a 180 graus por 15 minutos.  
Preparar o glacê: misturar o açúcar …

Saladas de todo jeito - Parte I

Receitas de saladas para aplacar o calor do verão que chegou com toda a força!  Isso não tem ciência nem técnica, é questão de misturar, colocar bom molho e... manger!  O que eu acho legal são as combinações que sugerem e que jamais passariam pela minha cabeça.  Ah, azeite é sempre de oliva, tá?  Se não for, eu aviso.  E pimenta, é do reino.  Foto, nota-se, não é de salada...


Salada de rúcula com queijo feta
(todas do livro 1 Million de menus)
6 tomates cortados em rodelas grossas1 pepino cortado em rodelas1 cebola roxa finamente fatiada125g de queijo feta cortado em pedaços75g de azeitonas pretas4 colheres (sopa) de azeite 2 colheres (sopa) de vinagre de cidra ou suco de limão1 dente de alho picado (facultativo)1 colher (sopa) de manjericão e orégano picados15g de rúcula ou espinafresal e pimenta Colocar tomates, pepino, cebola, queijo e azeitonas na saladeira.  Para preparar o molho, colocar o azeite, vinagre, alho e as ervas em um recipiente fundo, temperar e mexer tudo até ficar homo…