Batata cozida com azeite de ervas

Antes de falarmos de batatas cozidas, vamos falar de azeite de ervas.  Aprendi em Paraty, em um pequeno restaurante com o chef  Yves, que veio de Castellet, sul da França, para abrir seu restaurante lá.  Na verdade, passou por outros lugares antes, mas isso não vem ao caso... Yves nos trouxe uma cesta com seus azeites especiais, todos inventados por ele.  Escolhi o que mais gostei, cuja receita me ensinou.  Uso muito sobre uma simples batata cozida, que ganha vida com esse azeite.





Azeite com ervas do Yves
  • 3 galhos de tomilho fresco
  • 1 galho de alecrim fresco
  • 1 pau de canela longo
  • 5 grãos de pimenta do reino preta, inteiros
  • 1 pimenta dedo-de-moça inteira (sem cortes)
  • 500ml de azeita extra-virgem
Colocar todas as ervas dentro de uma garrafa de vinho vazia, lavada e seca e juntar o azeite. Tampar com uma rolha e deixar em local escuro por 20 dias antes de usar. 

Usar em saladas ou na batata cozida na água e sal, depois de escorrida.  Regar com um fio.

A pimenta dedo-de-moça é mais suave que a pimenta malagueta, e deve ser colocada inteira para ficar mais suave ainda.  Se for picada, o azeite ficará ardido. Se não gosta de pimenta, não a coloque, pois o gosto vai intensificando com o passar do tempo!

Comentários

Postagens mais visitadas